Rota das Estrelas 2014 arrancou na Madeira com 16 chefes internacionais

Data do Evento: 19 a 25 Março

Oito restaurantes portugueses com estrelas Michelin vão receber cozinheiros premiados de todo o Mundo, na “Rota das Estrelas”, um festival gastronómico internacional que vai percorrer o país até novembro.
O evento gastronómico, que vai na quinta edição, arrancou no dia 19 de Março, no ‘Il Gallo d’Oro’ (uma estrela Michelin, Funchal), com a participação de 16 ‘chefs’, na sua maioria de restaurantes com estrelas Michelin.


Olivier Barbarin, Sebastien Broda, Benoît Sinthon, Paulo Morais, Pascal Picasse, Vítor Matos, Ricardo Costa e Yves Michoux

Benoît Sinthon é o anfitrião da primeira “etapa” do festival, que decorre na Madeira até dia 25, e promove jantares gourmet e volantes, com cozinha ao vivo, visitas, provas de vinho e workshops sobre queijos exclusivos portugueses.
Segundo a organização, os jantares contarão com “produtos regionais onde prima a frescura e a sazonalidade e ingredientes da mais alta qualidade provenientes do mundo, além de uma seleção dos mais exclusivos vinhos portugueses”.
Pela primeira vez, será organizado um concurso – “à descoberta do talento” -, em que seis finalistas enfrentam um júri de quatro chefes que irá eleger o vencedor depois de uma prova de cozinha aberta ao público, no Mercado dos Lavradores, no Funchal.
Depois da Madeira, o roteiro prossegue no ‘Eleven’ (Lisboa), a 02 e 03 de maio, e depois no ‘The Yeatman’ (Vila Nova de Gaia), entre 05 e 07 de junho. No mesmo mês, nos dias 20 e 21, é a ‘Fortaleza do Guincho’ (Cascais) que recebe o evento.
A 19 e 20 de setembro, o ‘Feitoria’ (Lisboa) é o anfitrião da “Rota das Estrelas”, que viaja para o ‘Largo do Paço’ (Amarante) a 17 e 18 de outubro, rumando depois ao ‘L’And’ (Montemor-o-Novo), a 22 e 23 de novembro.


Também o ‘Vila Joya’ (Algarve), que, juntamente com o ‘Ocean’, é um dos dois restaurantes portugueses com duas estrelas Michelin, participa no roteiro, mas ainda sem data marcada.
O roteiro surgiu em 2010 como uma iniciativa privada com o objetivo de dar a conhecer o que de melhor se oferece na alta gastronomia portuguesa, identificada como “um fator de diferenciação” a nível turístico como alternativa aos tradicionais produtos sol e praia. A iniciativa juntou vários grupos hoteleiros e restaurantes com estrelas Michelin, criando assim o conceito de rota.
Inicialmente, o objetivo era a promoção nacional, mas “teve uma grande aceitação” e começou a atrair “interesse internacional”, levando ao convite de chefes estrangeiros, nomeadamente dos “principais mercados emissores de turistas”, disse à Lusa fonte da organização.

Rota Das Estrelas 2014

Leave a Reply

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *